Fraternidade São Francisco de Assis

Fraternidade de São Francisco de Assis

Rua Costa Ferraz, 38, Rio Comprido, RJ
Tel: 2273-9761 / 2273-8387
e-mail: ofs.riocomprido@hotmail.com

Erigida Canonicamente em 1º de julho de 1967



Nossos encontros fraternos acontecem nos 2º e 4º domingos do mês, de 08:30 às 12:00 horas. Nos reunimos em nossa Sede após a Missa das 08:30 nos 2º domingos e nos 4º domingos nos reunimos em nossa Sede às 08:30 e às 11 horas temos a Santa Missa.

terça-feira, 13 de abril de 2010

Mandante do assassinato de Dorothy Stang é condenado a 30 anos

Vitalmiro Bastos de Moura ficará preso em regime fechado pelo crime de homicídio duplamente qualificado.

No Pará, o fazendeiro que mandou matar a missionária Dorothy Stang, em 2005, foi condenado a 30 anos de prisão.

Silêncio à espera do resultado. Depois de 15 horas de julgamento, os jurados precisaram de 15 minutos para decidir pela condenação de Bida.

''Condeno Vitalmiro Bastos de Moura, já qualificado nos autos, a pena de 30 anos de reclusão''.

Emoção no plenário. Para David Stang, que acompanha todos os desdobramentos do caso e veio dos Estados Unidos para assistir ao julgamento, a Justiça brasileira reconheceu que o assassinato de sua irmã foi encomendado.

Vitalmiro Bastos de Moura ficará preso em regime fechado pelo crime de homicídio duplamente qualificado: morte por encomenda e sem direito de defesa à vítima.

Bida foi representado por dois defensores públicos. O advogado de defesa Arnaldo Lopes de Paula, que foi contratado na última hora, se recusou a participar do julgamento e disse que vai recorrer para tentar anular o júri. ''Vamos alegar a cerceamento de defesa. Por conta disso, a nulidade absoluta",

Dos cinco acusados pela morte de Dorothy Stang, apenas um ainda precisa ser julgado: é o fazendeiro Regivaldo Pereira Galvão, que seria o outro mandante do crime. O julgamento dele está marcado para o dia 30 de abril.

“Os mandantes estão sentando nos bancos dos réus, tendo julgamento justo e, graças a Deus, estamos conseguindo a condenação. Isso aí é uma forma para que os próximos mandantes que estejam projetando, estejam planejando matar lideranças, freiem um pouco seus ímpetos'', disse o promotor Edson Souza.

Nenhum comentário:

Postar um comentário